3 coisas para observar no teste de velocidade da internet

4 minutos para ler
e-book guia wifiPowered by Rock Convert

No momento da instalação da internet é comum dar mais atenção para a velocidade da conexão. Então, mesmo depois de seguir todas as dicas para escolher um fornecedor, é importante que o teste de velocidade da internet seja correspondente ao contratado.

Assim, antes de qualquer ligação para reclamar do serviço ou buscar dicas para melhorar o seu sinal de Wi-Fi, tenha em mente que diversas medidas podem ser tomadas para ajustar a conexão.

Mas caso essas ações não apresentem um resultado satisfatório, o problema pode estar na leitura do teste de velocidade da internet. Quer entender mais sobre isso? Continue a leitura!

Como funciona o teste de velocidade da internet?

Ao acessar qualquer plataforma ou aplicativo para teste de velocidade da internet, é possível visualizar uma espécie de velocímetro, que nada mais é que a simulação gráfica da aferição, que reconhecerá seu IP e sua localização no mapa antes de iniciar o teste propriamente dito.

O primeiro teste é realizado com o ping, em seguida, é aferida e demonstrada a velocidade de download e, por último, a de upload. Confira os 3 parâmetros que são medidos e que devem ser analisados.

1. Teste de Ping

O ping ou latência é um comando simples que funciona como teste para garantir se há ou não uma conectividade entre equipamentos de uma rede. No caso do teste de velocidade da internet, estamos nos referindo ao equipamento e o seu provedor.

Funciona assim: há o envio do comando, para que o equipamento receptor receba os pacotes enviados, “observe” o tempo de resposta e, em seguida, mande as informações.

Além disso, muitas plataformas oferecem um cadastro para que você possa comparar o resultado com medições realizadas anteriormente.

e-book netflixPowered by Rock Convert

2. Taxa de Download

Normalmente, quando contratamos um pacote ou plano de internet, a velocidade informada corresponde ao download, que nada mais é, que o tempo que o seu equipamento leva para baixar um pacote de dados.

Assim, quanto maior a velocidade de download, mais rápido um arquivo é baixado da internet. Em uma rede doméstica, essa velocidade influencia na hora de executar tarefas online ou baixar qualquer tipo de arquivo, como músicas, vídeos, imagens etc.

3. Taxa de Upload

Diferente do download, que é a velocidade para receber dados por meio da internet, o upload indica a taxa de envio de informações. Normalmente, corresponde a 10% do valor de download da contratação de provedores domésticos.

A velocidade de upload impacta diretamente no envio de informações, como vídeo para plataformas, por exemplo, YouTube e Tik Tok, além de imagens para redes sociais, como Instagram e Facebook. Isso vale até mesmo para o compartilhamento de documentos para um serviço de nuvem ou outro dispositivo.

Agora que você está ciente dos dados informados em um teste de velocidade da internet, lembre-se de realizá-lo na rede cabeada. Há pessoas que realizam o teste por meio da conexão Wi-fi, que é uma tecnologia caracterizada pela distribuição da rede. Ou seja, dificilmente o resultado vai ser compatível com a velocidade contratada devido às interferências externas, como obstáculos físicos, distância entre os dispositivos e abertura de banda disponível no equipamento.

Além disso, faça o teste em sites confiáveis, como:

E fique atento no momento da contratação do plano para não cair em “pegadinhas” que visam ludibriar as pessoas que não têm tanto conhecimento sobre o assunto.

Se você quer acertar na escolha do seu plano de internet, confira o artigo e descubra o que observar ao fazer essa contratação. 

ebook_conheçaavalenetPowered by Rock Convert
Posts relacionados